Amor Inevitável

Você pode afirmar, com todas as letras, que é completa. Que não precisa de ninguém para ser feliz. Que estar só basta. Mas você sabe, bem...


Você pode afirmar, com todas as letras, que é completa. Que não precisa de ninguém para ser feliz. Que estar só basta. Mas você sabe, bem lá no fundo, que não.

Pois, em algum momento da vida, você sente falta de alguém. Seja para ver um filme juntinhos ou apenas uns beijos. Tem sempre aquele momento que queremos compartilhar com alguém. 

Não que os amigos não deem certo, mas você me entende. Alguém que faça você sentir um leve frio na barriga

Apaixonada loucamente duas vezes, te garanto, ter alguém que lhe diz que ama, que te demonstra que ama, que te faz sentir aquele amor louco, incontrolável e inexplicável, é algo que nada supera. Nem mesmo um copo de cerveja ou vodka. 

E se não houver amor, queira estar com alguém que te quer. Te deseja. Alguém que com todos os pequenos defeitos que você conhece, ainda sim te faz querer mais e mais. Te faz ansiar por conhecer os outros defeitos ainda secretos. 

Alguém com quem a risada é leve, a confiança é grande e o sorriso, constante. 

Alguém que te mostre que o amor é mesmo como dizem. Você fica bobo, você entende - ainda mais - as músicas de amor, você pensa a todo instante na pessoa, quando estão juntos, não querem se desgrudar. Amor mesmo. Daquele amor adolescente e de início. Que te faz perceber que todas as borboletas do estômago rodopiam de alegria e não de nervoso.

E que, às vezes, se apaixonar, não é tão ruim assim. Apenas inevitável. 


Você também pode gostar

0 Comentários

Comente a vontade só não faça algumas dessas coisas:

- Não xingar nenhum dos meus seguidores
- Não postar um comentário ofensivo
- Não ofender o blog
- Não criticar o blog, ou algum comentário. Criticas apenas construtivas.
- Não usar nenhum palavrão.

Tecnologia do Blogger.